sábado, 14 de novembro de 2009

O BREGA POP

Com uma cabeleira pink com mechas multicoloridas e roupas exóticas com fivelões pendurados, broches, e uma brilhante coleção de cintos o paraense Wanderley Andrade é um cara, no mínimo, exótico e um dos cantores mais apreciados no mundo prega pop na região Norte e Nordeste. Lembro que no Acre, um tempo, só ouvia o "Traficante do amor". O programa Global "Ó pai ó", nesta sexta-feira passada, botou um sucesso do exótico Wanderley Andrade, o que me fez lembrar dos velhos tempos do Acre, nem tão velhos assim. Pessoa eclética, ouço de tudo um pouco pra não dizer que sou arrogante. Mas um breguinha de vez em quando, não faz mal a ninguém! (risos).



5 comentários:

Lu disse...

Ah! eu gostava de ouvir as músicas desse cara!

sem olhar o vídeo ...eu vou roubar o seu coração... sou..sou traficante do amor. rs! Ainda lembro algumas parte da música*

* Wanderley Andrade está sumido, nunca mais ouvir falar dele, por onde ele anda? Tem músicas novas?

Blog do Gilvan disse...

Isaac:
Quanto mais o tempo passa, mais o ser humano cria coragem de assumir seu lado brega. Pelo menos comigo e com diversos amigos que convivo é assim. É, é coragem mesmo para passar por cima de tantos preconceitos musicais, estéticos, alimentares, comportamentais, etc. Lembro quando eu só gostava de Chico, Caetano, Milton, Pink Floyd e outros astros pops e de música clássica. Quanta coisa boa perdi. Hoje transito entre Marinês, Reginaldo Rossi, Ary Lobo, Tchaikovsky, Los Porongas, Yanni, e tanta gente que faz música boa neste mundo. Legal seu post.
abs
Gilvan Almeida

Manhosa LobaVirtual disse...

Meu Querido Amigo do Coração...

Toda musica que fala com o coração... é linda... e o brega é o que hoje mais ama e sofre... risos...
Tem uns que pulam... dançam... se sacodem... falam coisas intraduzíveis...e... gemem...

Bjs.

Denise disse...

ahuauhahuahuahuahua!!!! Meu, que comédia!! Nunca tinha visto.
Ah, todo mundo tem seu lado brega... Por mais que diga que não tem.. :PPPPPPPP
[]

Sonia Schmorantz disse...

Estas figuras exóticas são as que marcam, não importa muito o que façam!
Um abraço, lindo domingo