sexta-feira, 4 de julho de 2014

POEMA TRISTE

Isaac Melo

p/ os tristes e insatisfeitos
se ainda houver


Oh minha mãe
a quem dedico
a mais vera devoção
diga-me por que lá fora
tudo é belo e comovente
(falso e aparente)
e aqui dentro
onde pulsa o coração
tudo é triste
e indiferente
qual amor sem tesão
Postar um comentário