quinta-feira, 3 de setembro de 2015

ESTRELA D'ÁGUA

João Lira

A morte chegou
O mar te amou
Te cobriu com seu manto
acalentou-te...
Estrela d’água
Te acolheu na fronteira da vida...
Dorme estrelinha! Dorme!
Dorme que já não há mais dor
Dorme, que a humanidade não amou.
Postar um comentário