quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

O SANTO DA FLORESTA

A história do seringueiro João, do Seringal Boa Vista, colocação Guarani, na região de Xapuri – AC. João é símbolo da resistência e ao mesmo tempo do abandono de centenas de seringueiros. Conta a história que João vivia sozinho em sua colocação, um dia seus companheiros mais próximos deram por sua falta, ao chegarem em seu taperi o encontraram morto, já em estado de putrefação, em sua rede. A história de João é a história de centenas de outros homens que vieram para o Acre para a produção de borracha, e morreram, à mingua, ignorados pelo próprio governo que os arregimentou com falsas ilusões de que ganhariam muito dinheiro. O povo se identificou com a história do simples seringueiro João, talvez por se assemalhar com sua própria história, e o local se tornou há muitos anos um lugar de peregrinação; esperança de um povo vilipendiado há quase um século. O povo não demorou a “canonizar” o seu próprio santo, “São João do Guarani”, o santo da floresta, o mártir do descaso e do abandono.
O documentário abaixo conta essa história, com a direção da talentosa jornalista Talita Oliveira.
Postar um comentário