quarta-feira, 9 de abril de 2014

TECNOGONIA

Clodomir Monteiro


o pombo
    no lombo
         do lobo
              é assombro

agora
    aflora
         a hora
              da glória

demora
    memória
         lendária
              vigora

o lobo
    no lombo
         do pombo
              escombro

do globo
    no tombo
         engoda
              em lobo

engloba
    na gleba
         em roda
              já faz

estória
    ou lenda
         da senda
              da paz

do rombo
    no roubo
         na venda
              do robô

agoniza
    a glória
         no olho
              em rodós

agora
    degola
         na gula
              decola

demora
    no mora
         do mar
              nuclear


MONTEIRO, Clodomir. Derroteiro de rotinas. São Paulo: Quíron, 1976. p.47-48
> CLODOMIR MONTEIRO preside atualmente a Academia Acreana de Letras.
> Acesse aqui a página do poeta.
Postar um comentário